Tufão Lekima deixa mortos e desaparecidos na China

Fenômeno atingiu leste do país com ventos de 187 km/h

Tufão Lekima deixa mortos e desaparecidos na China (foto: EPA)
10:08, 11 AgoROMA ZCC

(ANSA) - Pelo menos 32 pessoas morreram e outras 20 estão desaparecidas após a violenta passagem do tufão Lekima registrada neste sábado (10) no leste da China.

Com ventos máximos de 187 quilômetros por hora, o Tufão Lekima atingiu a cidade de Wenling, na Província de Zhejiang, sul de Xangai. O distrito de Yongjia foi o mais afetado.

O fenômeno provocou o rompimento de um lago de barreira e fortes tempestades na região, além de um deslizamento de terra que chegou a bloquear os rios da área, o que elevou o nível da água em até 10 metros e deixou mais de 100 moradores ilhados.

Segundo as autoridades locais, mais de 300 indivíduos foram enviados para auxiliar no resgate. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA

archivado en