Aiatolá do Irã ironiza eleição nos EUA: 'Que espetáculo'

Ali Khamenei comentou acusações de fraude na apuração

O guia supremo do Irã, aiatolá Ali Khamenei
O guia supremo do Irã, aiatolá Ali Khamenei (foto: EPA)
08:16, 05 NovTEERÃ ZLR

(ANSA) - O guia supremo do Irã, aiatolá Ali Khamenei, usou sua conta em inglês no Twitter para ironizar o conturbado processo eleitoral nos Estados Unidos.

"Que espetáculo! Uma pessoa diz que essa é a eleição mais fraudulenta na história dos EUA. E quem diz isso? O presidente que está atualmente no poder. E seu rival diz que Trump pretende fraudar a eleição! É assim que a eleição e a democracia dos EUA são", escreveu o aiatolá.

Já o presidente do Irã, Hassan Rohani, disse que, independentemente do resultado, o vencedor "terá de se render à resistência e à paciência" do país persa. "Não haverá outra escolha", declarou.

Durante seu governo, Trump rompeu o acordo nuclear e intensificou as sanções contra o Irã, além de ter ordenado a operação militar que matou o poderoso general Qassem Soleimani no Iraque.

"A nação iraniana não vai se ajoelhar para os Estados Unidos e obrigará os inimigos a respeitarem o acordo", acrescentou Rohani. (ANSA)
   

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA