Papa recebe jovem agredido por defender casal gay

Francês foi golpeado com muleta em um shopping de Lyon

Papa recebe jovem agredido por defender casal gay
Papa recebe jovem agredido por defender casal gay (foto: ANSA)
18:56, 11 AbrVATICANO ZLR

(ANSA) - O papa Francisco recebeu um jovem estudante francês que fora agredido em novembro de 2016 por defender um casal homossexual.

O caso aconteceu em um shopping em Lyon, na França. Marin Sauvageon se interpôs contra pessoas que "reprovavam" um casal gay por se beijar publicamente e foi golpeado com uma muleta.

Sauvageon se encontrou com o Pontífice acompanhado por sua mãe e pelo cardeal Philippe Barbarin. Durante a reunião, ele contou sobre seu processo de recuperação dos graves ferimentos provocados pela agressão.

De acordo com o jornal francês "Le Progrès", o julgamento do responsável pelo ataque acontecerá entre os dias 2 e 4 de maio.

O homem que feriu Sauvageon é acusado de "violência que resultou em mutilação ou incapacidade permanente, com o uso de uma arma". (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA