Papa chama coronavírus de 'doença cruel' e pede orações

Francisco falou sobre a epidemia durante a audiência geral

Papa chama coronavírus de 'doença cruel' e pede orações
Papa chama coronavírus de 'doença cruel' e pede orações (foto: ANSA)
20:02, 12 FevCIDADE DO VATICANO ZBF

(ANSA) - O papa Francisco disse nesta quarta-feira (12) que está rezando pela China, atingida por uma epidemia de Covid-19, causada pelo novo coronavírus.

Na tradicional audiência geral no Vaticano, o líder católico também convidou o público a orar para "os nossos irmãos chineses que sofrem dessa doença cruel". "Que eles encontrem o caminho da cura o mais rápido possível", disse Jorge Mario Bergoglio.

De acordo com um balanço da John Hopkins University, nos Estados Unidos, o novo coronavírus já provocou a morte de 1.115 pessoas em todo o mundo, sendo 1.068 somente na província de Hubei, na China, epicentro da epidemia.

O número de contágios é de 45.188, dos quais 44.670 na China continental. Também foram confirmados casos na Alemanha, Austrália, Estados Unidos e Itália. As pessoas infectadas e curadas somam 4.850, das quais 2.639 em Hubei. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA