Papa reza por sem-teto encontrado morto no Vaticano

Oração foi feita após recitação do Ângelus neste domingo (24)

Oração foi feita após recitação do Ângelus neste domingo (24)
Oração foi feita após recitação do Ângelus neste domingo (24) (foto: ANSA)
10:54, 24 JanCIDADE DO VATICANO ZCC

(ANSA) - O papa Francisco lembrou neste domingo (24) a morte do sem-teto nigeriano, de 46 anos, encontrado sem vida próximo da Praça São Pedro, no Vaticano, no último dia 20 de janeiro, por causa do frio.

"Sua história soma-se a de muitos outros desabrigados que morreram recentemente em Roma, nas mesmas circunstâncias dramáticas. Rezemos por Edwin", disse o Pontífice, após a oração do ângelus, com transmissão online, na biblioteca do Palácio Apostólico.

Francisco recordou de São Gregório Magno, Papa entre 590 e 604, o qual dizia que, quando ocorresse a morte de um mendigo, nenhuma missa seria celebrada no dia, porque "era como a Sexta-feira Santa".

"Vamos pensar em Edwin, no que sentiu este homem, de 46 anos, no frio, ignorado por todos, abandonado também por nós. Rezemos por ele", apelou o Papa.

Por iniciativa de Francisco e da Esmolaria Apostólica, o Vaticano tem multiplicado diversas ações solidárias a favor dos moradores de rua. Recentemente, as autoridades sanitárias da Santa Sé também iniciaram a vacinação anti-Covid dos desabrigados. Estima-se que Edwin é o 10º sem-teto a morrer em Roma nos últimos três meses. 

As atitudes vão de encontro com a mensagem do Pontífice divulgada neste sábado (23) por ocasião do 55º Dia Mundial das Comunicações Sociais. Com o tema "Vem e Verás", o argentino agradeceu a coragem dos jornalistas e pediu para todos saírem às ruas, conversarem com as pessoas, em especial as mais pobres, e se dirigirem ao local onde se produzem as notícias, em vez de ficarem nas redações, atrás de uma tela. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA