Brasil se aproxima das 375 mil vítimas na pandemia de Covid

Brasil vive pior momento da pandemia de Covid-19 desde 2020
Brasil vive pior momento da pandemia de Covid-19 desde 2020 (foto: ANSA)
07:40, 20 AbrSÃO PAULO ZCC

(ANSA) - O Brasil registrou 1.347 mortes e 30.624 casos de Covid-19 nas últimas 24 horas, informou o Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) nesta segunda-feira (19). Com os dados atualizados, são 374.682 as vítimas e 13.973.695 os contágios confirmados na pandemia.

A taxa de letalidade se manteve em 2,7%, com o Rio de Janeiro sendo o estado com o maior índice no país, em 5,9%. Na sequência aparecem Pernambuco (3,5%), Amazonas (3,4%) e São Paulo (3,2%).

Em números totais, o estado de São Paulo chegou aos 88.528 falecimentos, seguido por Rio de Janeiro (41.418), Minas Gerais (30.397), Rio Grande do Sul (41.418) e Paraná (20.424).

Já nos contágios, São Paulo continua liderando a lista, com 2.750.300 contaminações. No Top 5 do ranking também aparecem Minas Gerais (1.281.421), Rio Grande do Sul (922.550), Paraná (909.691) e Bahia (863.764).

Geralmente, domingos e segundas-feiras registram números mais baixos por conta da menor notificação das secretarias de saúde estaduais. No entanto, quando analisadas as médias dos últimos sete dias de casos e mortes a situação está estável. São 65.127 contaminações e 2.866 óbitos na média, de acordo com o Conass.

Vacinas -

Hoje, o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), anunciou a compra de mais 30 milhões de doses da CoronaVac e prometeu vacinar toda a população do estado contra o novo coronavírus até o final do ano.

De acordo com o político, as ampolas começarão a ser aplicadas no estado a partir de outubro, possibilitando a conclusão da imunização de "de todas as pessoas que podem ser vacinadas" em São Paulo. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA