Homem italiano é encontrado morto em veleiro em Natal

Embarcação estava à deriva e foi localizada pela Marinha

Embarcação foi encontrada danificada pelas autoridades
Embarcação foi encontrada danificada pelas autoridades (foto: Deco Graciano/Futura Press)
15:43, 11 MaiSÃO PAULO ZRS

(ANSA) - Um homem italiano foi encontrado morto no último fim de semana pelas autoridades brasileiras em um veleiro à deriva em Natal, no Rio Grande do Norte.

De acordo com o Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep), o nome do indíviduo é Stefano Magnani, de 52 anos de idade. A embarcação do italiano já foi rebocada e a Polícia Federal (PF) está investigando o caso.

O veleiro foi encontrado bastante danificado, enquanto o corpo achado dentro da embarcação estava em avançado estado de decomposição.

O programa "RN1", da Inter TV Cabugi, afiliada da Globo, informou que documentos encontrados no barco estavam escritos em italiano. Além disso, uma carta que tinha um pedido de asilo em algum país também teria sido descoberta pelas autoridades, segundo a emissora.

A embarcação, que tinha o nome de Mona-Mi F.S., estava à deriva a cerca de 26 quilômetros de distância da costa de Natal.

Rino Bordogna, que é correspondente consular honorário em Natal, afirmou em uma entrevista à Inter TV Cabugi que está tentando encontrar a família de Magnani. (ANSA)

ERRATA: O texto veiculou, incorretamente, a informação de que Rino Bordogna era representante do Consulado da Itália em Natal. A informação correta é que ele é correspondente consular honorário.

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA

archivado en