Chuvas e deslizamentos matam mais de 30 em Pernambuco

A capital Recife é a cidade com mais perdas

Operações de resgate no Córrego do Jenipapo, no Recife (foto: EPA)
19:19, 28 MaiSÃO PAULO ZLR

(ANSA) - Deslizamentos provocados por chuvas torrenciais já provocaram mais de 30 mortes na região metropolitana do Recife, capital de Pernambuco, nesta semana.

Apenas neste sábado (28), foram confirmados 30 falecimentos, sendo 22 no Recife, seis no município vizinho de Camaragibe e dois em Jaboatão dos Guararapes. Outros cinco óbitos ligados às chuvas já haviam sido registrados em Olinda (quatro) e Jaboatão (um) ao longo da semana.

De acordo com o portal G1, a Secretaria de Educação do Recife disponibilizou 14 escolas e creches municipais para abrigar famílias desalojadas, e ainda há a previsão de novas chuvas para as próximas horas.

"Estamos abrindo as escolas nos locais mais críticos para reforçar a oferta de abrigo e pedimos que as pessoas evitem ao máximo as locomoções pela cidade", anunciou no Twitter o prefeito do Recife, João Campos (PSB).

Segundo ele, 32 mil famílias que vivem em áreas de risco na capital pernambucana precisam sair de casa e procurar abrigos em outros lugares. "É fundamental que nosso foco neste momento esteja prioritariamente em salvar vidas", acrescentou.

Já o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) disse que o risco de deslizamentos em Pernambuco continua alto pelo menos até este domingo (29), sendo que no Recife o alerta é de "grande perigo". (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA