Ministro da Defesa da Colômbia morre por complicações da Covid

Carlos Holmes Trujillo tinha 69 anos e estava na UTI há 13 dias

Trujillo tinha 69 anos e ficou 13 dias internado em uma UTI em Bogotá (foto: EPA)
14:11, 26 JanBOGOTÁ ZGT

(ANSA) - O ministro da Defesa da Colômbia, Carlos Holmes Trujillo, 69 anos, faleceu nesta terça-feira (26) em decorrência de complicações da Covid-19, informou a Presidência do país.

O político estava internado desde o início do mês em Barranquilla e, no dia 13 de janeiro, foi transferido para a unidade de terapia intensiva do Hospital Militar de Bogotá.

"Com profunda dor e tristeza recebi a notícia do falecimento de nosso ministro da Defesa.[...] Em todo o seu trabalho, sobressaiu sua ética, sua integridade, sua condição humana e sua busca constante pela excelência. Tive a honra de compartilhar princípios e ideais com ele e de lutar pelo bem estar dos cidadãos, suas conquistas como chanceler e o ministro falam eloquentemente", disse o presidente do país, Ivan Duque, em mensagem publicada pelo Twitter.

Além de destacar "o patriotismo" e desejar condolências aos familiares próximos, Duque pediu uma "reflexão" sobre o "momento que vivemos". "Essa pandemia cobrou a vida de mais de dois milhões de pessoas em todo o mundo e mais de 50 mil compatriotas. Seus estragos não acabaram e sua ameaça está viva em todo o mundo", acrescentou.

"Que a partida desse grande colombiano nos sirva para honrar a todos os que faleceram nessa tragédia global, que sirva para entender que enfrentar essa situação requer que não haja espaço para mesquinharias, oportunismos ou vaidades", disse ainda Duque.

A morte de Trujillo também foi lamentada pelo ex-presidente e Nobel da Paz, Juan Manuel Santos, que lembrou do ministro como um "amigo" com quem trabalhou junto e que, "apesar de nossas diferenças ultimamente, foi sempre um grande homem e um grande servidor público".

Conforme dados da Universidade Johns Hopkins, a Colômbia tem 2.027.746 casos confirmados do coronavírus Sars-CoV-2 - ficando apenas atrás do Brasil na América Latina - e 51.747 mortes (12º no mundo) (ANSA).
   

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA