Maduro anuncia aumento de 30% do salário mínimo

Oposição diz que aumento é insuficiente diante de inflação

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro
O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro (foto: EPA)
13:30, 30 AbrCARACAS ZSG

(ANSA) - O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, anunciou um aumento de 30% no salário mínimo do país, passando de 3.270,20 bolívares (cerca de R$ 1.151,8) a 4.251,78 bolívares (cerca de R$ 1.497,7).
    A proposta já foi rechaçada pelo líder opositor Henrique Capriles, que considera a quantia insuficiente diante da inflação que, segundo dados oficiais, chegou a cerca de 60% nos últimos 12 meses.
    Dados do Banco Central da Venezuela apontam que a taxa de inflação aumentou 4,15% durante o mês de março, totalizando um aumento de 59,4% nos preços ao longo dos últimos 12 meses.
    (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA