Servidores trabalharão dois dias por semana na Venezuela

Medida quer diminuir consumo de energia no país

Servidores trabalharão dois dias por semana na Venezuela (foto: EPA)
20:31, 27 AbrCARACAS ZSG

(ANSA) - Os servidores públicos da Venezuela tiveram sua jornada de trabalho reduzida temporariamente para dois dias por semana em meio a uma forte campanha do governo de Nicolás Maduro para reduzir o consumo de energia no país.
   
Em pronunciamento televisionado, o vice-presidente Aristóbulo Isturiz explicou que nas "quarta, quinta e sexta-feiras não se trabalhará no setor público, com exceção das tarefas que são consideradas fundamentais, necessárias".
   
Maduro, por sua vez, pediu a "máxima compreensão" da população diante das novas medidas.
   
Os trabalhadores do setor público, no entanto, continuarão a serem pagos pelos dias que permanecerão em casa.
   
A norma, que tem como objetivo ajudar o país a enfrentar uma grave crise de abastecimento de energia elétrica, é só mais uma de uma longa lista de medidas polêmicas estabelecidas pelo governo de Maduro nos últimos meses.
   
Caracas declarou feriado nas sextas-feiras e disse que irá mudar o fuso horário do país, além de estabelecer um racionamento diário de 4 horas em diversas regiões do país. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA