Andrea Bocelli doa plasma após ter contraído coronavírus

Tenor disse ter sentido apenas uma leve febre

Andrea Bocelli durante apresentação em frente ao Duomo de Milão
Andrea Bocelli durante apresentação em frente ao Duomo de Milão (foto: ANSA)
08:52, 26 MaiPISA ZLR

(ANSA) - O tenor italiano Andrea Bocelli revelou nesta terça-feira (26) que já contraiu o novo coronavírus e fez uma doação de plasma sanguíneo para um estudo sobre um possível tratamento contra a Covid-19.

O artista conversou com jornalistas do lado de fora do Hospital Cisanello, em Pisa, na Toscana, e disse não ter tido nenhum sintoma além de febre leve. Sua esposa e seus filhos também contraíram o vírus.

Segundo Bocelli, ele descobriu a infecção no dia 10 de março, quando entrou em vigor a quarentena nacional na Itália. Cerca de um mês depois, ele faria uma histórica apresentação na Catedral de Milão, vazia por causa da pandemia.

"Fiz o exame e vi que estava positivo. Honestamente, quando descobri, em 10 de março, pulei na piscina porque me sentia bem", disse o tenor.

A Empresa Hospitalar-Universitária de Pisa (Aoup, na sigla em italiano) conduz um estudo sobre a eficácia do plasma de pacientes curados da Covid-19 no tratamento de pessoas infectadas - a parte líquida do sangue carrega os anticorpos necessários para combater a doença.

Essa terapia já vem sendo testada em diversos hospitais do país e também é alvo de um estudo de âmbito nacional liderado pelo Instituto Superior da Saúde (ISS) e pela Agência Italiana de Remédios (Aifa). (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA