Instagram censura cartaz de filme de Almodóvar por exibir mamilo

'Madres Paralelas' vai estrear no Festival de Cinema de Veneza

Cartaz de filme de Almodóvar, Madres Paralelas, foi censurado no Instagram
Cartaz de filme de Almodóvar, Madres Paralelas, foi censurado no Instagram (foto: Reprodução)
14:34, 11 AgoMADRID ZGT

(ANSA) - O Instagram censurou o pôster de divulgação do novo filme do diretor Pedro Almodóvar, "Madres Paralelas", porque a imagem continha um mamilo.

A imagem mostra o mamilo com uma gota de leite dentro do desenho de um olho, sobre um fundo vermelho, o que dá uma estética para a metáfora de um choro. A ideia é, justamente, retratar a história do filme, que mostrará a trajetória de duas mães que dão a luz no mesmo dia por dois anos.

"Como era de se esperar, o Instagram retirou o cartaz que fizemos para o último filme de Almodóvar #madresparalelas. Vou postar de novo. Obrigado por compartilhar", postou o designer Javier Jaén, autor da obra.

 

 

O Instagram tem uma política bastante restrita sobre nudez e acaba retirando, com frequência, postagens que não tem nenhum conteúdo sexual. Recentemente, o aplicativo - que faz parte do grupo Facebook - mudou sua política para ser mais flexível, mas não são raros os casos que viram notícia.

Segundo o Instagram, esse tipo de imagem é removida imediatamente, mas isso é revisto no caso de algum erro. Após a polêmica, a imagem voltou a ser exibida na plataforma.

"Madres Paralelas" estreará no dia 10 de setembro na 78ª edição do Festival de Cinema de Veneza, na Itália. (ANSA).
   

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA

archivado en