Filme de Sorrentino vai disputar Oscar de Melhor Estrangeiro

Cerimônia para anunciar vencedores ocorre no fim de março

'A Mão de Deus' concorrerá ao Oscar de melhor filme estrangeiro (foto: ANSA)
11:35, 08 FevROMA ZGT

(ANSA) - O filme autobiográfico "A Mão de Deus", de Paolo Sorrentino, vai concorrer ao Oscar de Melhor Filme Estrangeiro, anunciou a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas nesta terça-feira (8). Os vencedores serão anunciados na cerimônia marcada para 27 de março em Los Angeles.

O longa disputará o prêmio contra "Drive My Car", do japonês Ryusuke Hamaguchi; "Flugt", de Jonas Poher Rasmussen; "A Pior Pessoa do Mundo", de Joachim Trier; e "A Felicidade das Pequenas Coisas", de Pawo Choyning Dorji.

"Estou muito feliz com essa indicação. Para mim, já é uma grande vitória e um motivo de comoção porque é um reconhecimento prestigioso dos temas do filme, que são as coisas nas quais acredito: a ironia, a liberdade, a tolerância, a dor, a despreocupação, a vontade, o futuro, Nápoles e minha mãe", disse Sorrentino após o anúncio.

O diretor italiano afirmou que a indicação veio "após um enorme trabalho de equipe" e agradeceu a "Netflix, Fremantle, The Apartment, os atores extraordinários e uma trupe inesquecível".

"E também meus filhos e minha esposa, que me amam na mais bonita das maneiras: sem nunca me levar a sério", acrescentou emocionado.

"A Mão de Deus" se inspira na juventude de Sorrentino em Nápoles, na Itália, durante a época em que o craque Diego Maradona brilhava no Napoli - de onde veio o nome da obra.

O longa é protagonizado pelo ator Filippo Scotti, que dá vida a Fabietto Schisa, um jovem que vê sua história transformada por dois grandes episódios: a chegada do jogador argentino ao time e uma tragédia familiar.

A obra de Sorrentino ganhou o prêmio especial do júri no último Festival de Cinema de Veneza e foi indicada a diversas outras premiações.

Outras indicações 

A Itália também será representada em outras duas premiações: a de Melhor Animação, com "Luca", do diretor Enrico Casarosa; e a de Melhor Figurino para Massimo Cantini Parrini e Jacqueline Duran no filme "Cyrano".

Para o prêmio de Melhor Filme, foram indicados "Belfast"; "No Ritmo do Coração"; "Não Olhe para Cima"; "Drive My Car"; "Duna"; "King Richard: Criando Campeãs"; "O Parque dos Sonhos"; "Nightmare Alley"; "Ataque dos Cães"; e "Amor, Sublime Amor".

Para Melhor Atriz, as indicadas são Jessica Chastain ("Os Olhos de Tammy Faye"); Olivia Colman ("A Filha Perdida"); Penélope Cruz ("Mães Paralelas"); Nicole Kidman ("Apresentando os Ricardos"); e Kristen Stewart ("Spencer").

Disputam Melhor Ator os artistas Javier Bardem ("Apresentando os Ricardos"); Benedict Cumberbatch ("Ataque dos Cães"); Andrew Garfield ("Tick, Tick... Boom!"); Will Smith ("King Richard: Criando Campeãs"); e Denzel Washington ("A Tragédia de Macbeth").

Já a disputa para Melhor Diretor está entre Kenneth Branagh ("Belfast"); Ryusuke Hamaguchi ("Drive My Car"); Paul Thomas Anderson ("O Parque dos Sonhos"); Jane Campion ("Ataque dos Cães"); e Steven Spielberg ("Amor, Sublime Amor"). (ANSA).
   

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA