Bolsonaro lamenta morte de Marília Mendonça: 'Uma das maiores artistas'

Marília Mendonça tinha 26 anos e deixa um filho (foto: Reprodução / Instagram)
19:47, 05 NovSÃO PAULO ZCC

(ANSA) - O presidente Jair Bolsonaro lamentou nesta sexta-feira (5) a morte da cantora Marília Mendonça, que faleceu em um acidente aéreo no interior de Minas Gerais, e afirmou que o sentimento é de que "perdemos alguém muito próximo", já que a artista "sempre esteve presente" através de suas canções.

"O país inteiro recebe em choque a notícia do passamento da jovem cantora sertaneja Marília Mendonça, uma das maiores artistas de sua geração, que com sua voz única, seu carisma e sua música conquistou o carinho e a admiração de todos nós", escreveu o mandatário no Twitter.

Para Bolsonaro, "o sentimento é de que perdemos alguém muito próximo, já que Marília sempre esteve presente em nossas vidas através de suas canções".

Por fim, o presidente brasileiro prestou solidariedade aos amigos e familiares da cantora. "Neste momento de profunda dor e tristeza peço a Deus que console o coração de seus fãs e, em especial, de seus amigos e familiares, bem como das demais vítimas do acidente. Que a dor da saudade dê lugar à certeza de que a morte não é o fim. E que Deus conforte a todos", finalizou. (ANSA).
   

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA