Vacina da Pfizer/BioNTech tem perfil de segurança favorável, diz FDA

Agência reguladora dos EUA deve autorizar imunizante no dia 10

Vacina da Pfizer/BioNTech começou a ser aplicada nos britânicos
Vacina da Pfizer/BioNTech começou a ser aplicada nos britânicos (foto: EPA)
12:54, 08 DezWASHINGTON ZGT

(ANSA) - A Agência de Alimentos e Medicamentos dos Estados Unidos (FDA, na sigla em inglês) considerou, em relatório publicado nesta terça-feira (08), que a vacina contra o coronavírus Sars-CoV-2 criada pela Pfizer e pela BioNTech tem um "perfil de segurança favorável, sem a identificação de problemas de segurança específicos que impeçam sua autorização".

O documento ainda destaca que a vacina é "eficaz" na prevenção da Covid-19 e se encaixa em todos os perfis para obter o registro de uso emergencial. Com isso, a FDA deve dar em breve - a mídia norte-americana fala em 10 de dezembro - a liberação para a vacinação dos cidadãos.

Em release da própria farmacêutica, a BNT 162b apresentou eficácia de 95% na prevenção da doença nos testes clínicos da fase 3, que reuniu mais de 38 mil voluntários.

Com base nos estudos da Pfizer e da BioNTech, o Reino Unido revisou as informações e constatou tanto a eficácia como a segurança do imunizante, dando sua autorização para que os britânicos fossem vacinados - em programa que começou nesta terça-feira.

Recentemente, o chefe da FDA, Stephen Hahn, disse que o país teria até 20 milhões de cidadãos imunizados até o fim de 2020 tanto com o uso da vacina da Pfizer/BioNTech como com a da Moderna - que deve ter seus dados revisados no dia 17 de dezembro. (ANSA).

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA