Bolsonaro confirma viagem à Argentina para celebrar Mercosul

Presidente se reunirá com 'rival' Alberto Fernández pela 1ª vez

Presidente se reunirá com 'rival' Alberto Fernández pela 1ª vez
Presidente se reunirá com 'rival' Alberto Fernández pela 1ª vez (foto: EPA)
20:04, 05 MarSÃO PAULO ZCC

(ANSA) - O presidente Jair Bolsonaro anunciou que viajará para a Argentina no final deste mês para se reunir com seu homólogo, Alberto Fernández. Esta será a primeira vez que os dois líderes vão se falar pessoalmente.

De acordo com o mandatário brasileiro, o encontro entre os dois chefes de Estado será realizado no próximo dia 26 de março, em Buenos Aires.

"Será a primeira vez que vamos conversar com o presidente da Argentina. Logicamente ele queria, eu quero, uma conversa reservada nós dois num canto. E publicamente vamos tratar das questões econômicas dos nossos países", afirmou Bolsonaro, durante live na noite de quinta-feira (4).

Além disso, Bolsonaro ressaltou que a pandemia do novo coronavírus Sars-CoV-2 tem provocado dificuldades econômicas e mencionou o país vizinho.

"Nós torcemos para que a Argentina tenha sucesso em suas negociações com o FMI porque a situação financeira da Argentina está bastante complicada", disse.

Para ele, "o êxito econômico de países aqui da América do Sul, entre eles a Argentina, é interessante para todos nós da América do Sul". "O Brasil obviamente é um dos grandes interessados", acrescentou.

Segundo o presidente, sua visita também será realizada para participar das atividades comemorativas dos 30 anos de fundação do Mercosul, bloco de países que reúne Argentina, Brasil, Paraguai e Uruguai.

Fernández assumiu a presidência da Argentina em dezembro de 2019 e mesmo assim Bolsonaro ainda não se reuniu presencialmente com ele.

Durante a eleição presidencial na nação vizinha, inclusive, o brasileiro chegou a apoiar publicamente a reeleição do então presidente Mauricio Macri e fez duras críticas à campanha de Fernández, principalmente contra a candidata a vice, a ex-presidente Cristina Kirchner. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA