Austrália aprova lei que obriga big techs a pagar por conteúdo

Debates chegaram a provocar bloqueio de notícias no Facebook

Facebook chegou a bloquear conteúdo jornalístico durante debates da nova legislação
Facebook chegou a bloquear conteúdo jornalístico durante debates da nova legislação (foto: EPA)
11:49, 25 FevSYDNEY ZGT

(ANSA) - A Austrália aprovou nesta quinta-feira (25) a lei que obriga as grandes empresas de tecnologia na internet a pagarem os veículos de mídia do país pela publicação de conteúdo noticioso profissional em suas plataformas.

Os debates sobre o projeto de lei se arrastaram por três anos e Google e Facebook foram contra a medida desde o início. No entanto, no fim do ano passado, o primeiro cedeu e fechou acordos com os grandes grupos de mídia australianos para fazer o pagamento.

Já a rede de Mark Zuckerberg chegou a bloquear as páginas de todas as emissoras, jornais e sites jornalísticos no país no dia 18 de fevereiro para protestar contra a medida.

Porém, nesta terça-feira (23), após um acordo com o governo australiano, a plataforma também informou que pagará pelo conteúdo de empresas selecionadas por ela.

Para "acalmar" as big techs, o governo adicionou emendas ao projeto de lei para garantir mais clareza sobre o código de conduta que deve ser adotado.

A legislação australiana é inédita no mundo e é considerada um teste sobre um controle maior das empresas de tecnologia.

Diversos outros países já debatem formas semelhantes de cobrança, incluindo a União Europeia. (ANSA).
   

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA