Valentino deixará de criar peças com pele animal

Marca de luxo banirá o uso de peles a partir de 2022

Desfile da marca italiana Valentino
Desfile da marca italiana Valentino (foto: Ansa)
10:30, 19 MaiROMA ZRS

(ANSA) - A marca de luxo italiana Valentino anunciou nesta terça-feira (18) que não usará mais peles em suas peças a partir do ano de 2022.

A grife decidiu seguir os mesmos passos que muitas outras famosas marcas, como Prada, Versace e Gucci.

Em um comunicado, a Valentino informou que a decisão foi tomada "em linha com os objetivos de redefinir o posicionamento competitivo" da empresa de moda.

A última coleção da grife que terá peles em suas peças será lançada na temporada outono-inverno 2021/2022.

Entre outras mudanças promovidas, a empresa deixará a partir do final de 2023 de produzir coleções para a Red Valentino, uma marca mais jovem. O objetivo, segundo o CEO da Valentino, Jacopo Venturini, é se "concentrar em apenas uma marca". (ANSA).
   

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA