Primeiro PIB da gestão Bolsonaro é o menor em 3 anos

Economia cresceu 1,1% em 2019, segundo o IBGE

Bolsonaro e Paulo Guedes durante evento no Palácio do Planalto, em outubro
Bolsonaro e Paulo Guedes durante evento no Palácio do Planalto, em outubro (foto: EPA)
11:03, 04 MarSÃO PAULO ZLR

(ANSA) - O Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil fechou 2019, primeiro ano do governo de Jair Bolsonaro, com crescimento de 1,1%, menor índice desde a queda de 3,3% em 2016.

O resultado foi divulgado nesta quarta-feira (4) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e chega após dois anos seguidos de crescimento de 1,3% na economia. O desempenho do PIB em 2019 foi puxado sobretudo pelos investimentos (+2,2%), pelo consumo das famílias (+1,8%), pela construção civil (+1,6%), pelos serviços (+1,3%) e pela agropecuária (+1,3%).

Já as exportações e o consumo do governo caíram, respectivamente, 2,5% e 0,4%, enquanto a indústria ficou abaixo da média (+0,5%). Em valores correntes, o PIB, que é a soma de todos os bens e serviços produzidos no país, fechou 2019 em R$ 7,3 trilhões.

Em maio passado, o ministro da Economia, Paulo Guedes, chegou a prever que o PIB cresceria 1,5% em 2019. Já o mercado financeiro iniciara o ano passado com expectativa de expansão de 2,53%. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA