Lucro da TIM Brasil cresce 13% no 4º trimestre

Considerando o ano inteiro, empresa registrou queda de 1,8%

TIM lucrou R$ 1,8 bilhão no Brasil em 2020
TIM lucrou R$ 1,8 bilhão no Brasil em 2020 (foto: ANSA)
11:43, 10 FevSÃO PAULO ZLR

(ANSA) - A TIM Brasil encerrou o quarto trimestre de 2020 com lucro líquido normalizado de R$ 1,038 bilhão, o que representa um crescimento de 13% na comparação com o mesmo período do ano anterior.

Já a receita líquida da operadora subiu 2%, chegando a R$ 4,678 bilhões, enquanto o Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) cresceu 3%, atingindo R$ 2,380 bilhões.

A base de clientes de telefonia móvel da empresa caiu 5,5%, para 51,433 milhões, mas cresceu 1,7% entre os usuários do serviço pós-pago, chegando a 21,829 milhões, o que reflete a estratégia da TIM Brasil de apostar nesse segmento.

O número de clientes pré-pago sofreu queda de 10,2%, para 29,603 milhões. Já a quantidade de usuários 4G saltou 7,7%, para 42,043 milhões. A operadora também fechou o quarto trimestre com 645 mil clientes TIM Live, expansão de 14% em relação ao mesmo período do ano passado.

"O ano de 2020 foi desafiador para todos, e a TIM conseguiu se adaptar com sucesso a circunstâncias absolutamente inesperadas, mantendo a performance financeira e operacional equilibrada.

Iniciamos 2021 em uma trajetória de evolução consistente, o que nos dá ainda mais segurança para seguir com os importantes projetos que temos pela frente, como a chegada do 5G e a consolidação do mercado de telefonia móvel", disse o CEO da TIM Brasil, Pietro Labriola.

Em termos anuais, a operadora encerrou 2020 com R$ 17,268 bilhões de faturamento (-0,6% em relação a 2019), R$ 1,871 bilhão de lucro líquido (-1,8%), e Ebitda de R$ 8,372 bilhões (+3,2%). (ANSA)  

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA