Ações da Tesla começam semana em queda após enquete de Musk

Bilionário questionou se devia abrir mão de 10% das ações

Elon Musk fez enquete no Twitter sobre a venda de ações da Tesla
Elon Musk fez enquete no Twitter sobre a venda de ações da Tesla (foto: EPA)
12:24, 08 NovWASHINGTON ZGT

(ANSA) - O bilionário Elon Musk derrubou as ações da Tesla na abertura dos negócios da Bolsa de Valores de Nova York nesta segunda-feira (8) após fazer uma enquete em seu Twitter pedindo se deveria abrir mão de 10% de suas ações na empresa.

A queda, que começou em 7%, estava em 4% cerca de duas horas após o início dos negócios. Em Frankfurt, as ações começaram o dia com queda de 6,2%.

No sábado (6), Musk fez uma enquete em que pedia o que os seguidores no Twitter achavam dele vender 10% de suas ações na empresa por conta do novo projeto de lei de Joe Biden de aumentar a taxação para os ricos dos EUA. Dos mais de 3,5 milhões de votos, 57,9% disseram que ele deveria abrir mão.

Nas duas postagens seguintes, o homem mais rico do mundo afirmou que iria "seguir os resultados, seja qual for o caminho" e com um "eu não recebo salários em dinheiro ou bônus de lugar nenhum". "Eu só tenho ações, portanto, a única maneira de pagar impostos pessoalmente é vendendo ações", escreveu ainda.

Segundo dados da mídia dos EUA, Musk tem 17% das ações da Tesla, em um valor estimado de US$ 200 bilhões. Ou seja, 10% representariam cerca de US$ 20 bilhões. (ANSA).
   

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA