'Ferrari voltará a ser vencedora', afirma Montezemolo

Presidente explicou também a contratação de Mattiacci

Stefano Domenicali pediu demissão da Ferrari após 23 anos na empresa. (foto: ANSA)
14:48, 16 AbrROMA ZGT

(ANSA) - O presidente da Ferrari, Luca di Montezemolo, afirmou em entrevista, que "eu acredito e dou a cara a tapa: estou seguro que a Ferrari voltará a ser vencedora". Ao falar sobre a saída de Stefano Domenicali, Montezemolo declarou que "após 23 anos com a gente, ele teve a coragem de se demitir. Ele fez isso após 23 Mundiais e de ter perdido as três últimas corridas. Mas, essa é a lei do esporte, os resultados são decisivos e Stefano decidiu sair".
    Ele também disse que a escolha de Marco Mattiacci teve a ver com a personalidade do novo chefe de equipe. "Escolhi um jovem chefe em quem acredito muito. Eu ouvi comentários de outras pessoas dizendo que Mattiacci não é um técnico. Mas, na Ferrari, todos somos técnicos. Eu quis escolher uma pessoa que fazia parte da família Ferrari, sem ficar procurando demais, porque temos muita qualidade e capacidade aqui". O presidente também falou que acompanhará de perto esse início de trabalho Mattiacci, fazendo um trabalho de exceção com o novo chefe de equipe. Montezemolo finalizou afirmando que para todos que trabalham na equipe, a "Ferrari é nossa vida e não queremos, que por causa de mudanças no regulamento, se estrague essa equipe". (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA