Ferrari cria modelo de ventilador pulmonar e abre projeto

Aparelho é essencial para pacientes da Covid-19

Ventilador pulmonar projetado pela Ferrari
Ventilador pulmonar projetado pela Ferrari (foto: Ansa)
12:49, 13 MaiMARANELLO ZLR

(ANSA) - Conhecida pela tradição no automobilismo, a Scuderia Ferrari utilizou a experiência de sua área técnica para projetar um novo modelo de ventilador pulmonar versátil e que pode ser produzido em larga escala.

O projeto nasceu de uma parceria com o Instituto Italiano de Tecnologia (IIT) e se chama "FI5", reunindo as iniciais da escuderia de Maranello, da instituição e o número de semanas necessárias para desenvolver o protótipo.

Segundo a Ferrari, o ventilador, item essencial para pacientes da Covid-19, é fácil de manusear e capaz de "otimizar o consumo de oxigênio". O projeto é "open source", ou seja, pode ser produzido por qualquer um, e algumas empresas italianas e estrangeiras (México e Estados Unidos) já entraram em contato com a escuderia.

O protótipo foi instalado na semana passada na sede do IIT, em Gênova, e já passou por todos os testes. Conectado a centros de pesquisa de toda a Europa, o instituto divulgará o projeto do ventilador pulmonar na rede DIH-Hero, dedicada à aplicação da robótica na saúde.

De acordo com um comunicado da Ferrari, os engenheiros da equipe fizeram o design e projetaram as peças pneumáticas e mecânicas do aparelho, enquanto o IIT forneceu os materiais e cuidou da parte eletrônica e do software. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA