GP do Brasil deve ocorrer no circuito de Interlagos

F1 anunciou prévia do calendário da temporada de 2021

GP do Brasil está marcado para ser entre os dias 12 e 14 de novembro
GP do Brasil está marcado para ser entre os dias 12 e 14 de novembro (foto: EPA)
08:37, 10 NovROMA ZRS

(ANSA) - A Fórmula 1 anunciou nesta terça-feira (10) o calendário provisório da temporada de 2021. Com 23 etapas, a disputa do Grande Prêmio do Brasil está prevista para acontecer em Interlagos, no dia 14 de novembro.

A próxima edição da categoria terá seis corridas a mais em comparação com 2020. Em contrapartida, o calendário da atual temporada precisou ser modificado por causa da pandemia do novo coronavírus (Sars-CoV-2). Antes da emergência, estavam agendadas 22 provas.

A temporada começará em 21 de março, como é habitual na Austrália, e terminará no dia 5 de dezembro em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos.

O calendário ainda conta com o GP da Arábia Saudita, em Jidá, que será em 24 de novembro. A prova recebeu diversas críticas da comunidade internacional pelas acusações de violações de direitos humanos no país.

Uma das datas do calendário não está preenchida, no dia 23 de abril. O espaço deverá ser ocupado pelo GP do Vietnã, que seria disputado em 2020 na cidade de Hanói.

Nenhuma das corridas adicionadas por causa da pandemia, como os GPs da Toscana e da Emilia-Romagna, foram incluídas no calendário de 2021.

A corrida no Brasil está marcada para acontecer no circuito de Interlagos, que não recebeu a F1 em 2020 por causa da Covid-19. O GP aparece com um asterisco na lista, o que significa que para a próxima temporada ainda não há contrato, mas uma prorrogação do vínculo está sendo negociada.

O Rio de Janeiro entrou na disputa para tentar receber o GP do Brasil a partir de 2021. No entanto, a cidade precisaria construir um novo autódromo no bairro de Deodoro. As obras não começaram em decorrência da falta de uma licença ambiental.

O Instituto Estadual do Meio Ambiente do estado analisa o estudo de impacto ambiental das obras, mas o projeto já teve pareceres negativos do Ministério Público. O piloto Lewis Hamilton, da Mercedes, também disse ser contrário à construção do autódromo.

O GP da Itália, em Monza, será a 15ª etapa de 2021. A prova acontecerá entre os dias 10 e 12 de setembro. (ANSA).
   

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA