Prefeito de Amatrice receberá prêmio de associação de futebol

Cidade foi destruída por terremoto em agosto do ano passado

Prefeito de Amatrice receberá prêmio de associação de futebol (foto: ANSA)
20:10, 21 MarRIETI ZGT

(ANSA) - O ex-técnico de futebol e prefeito da cidade italiana de Amatrice, Sergio Pirozzi, receberá o prêmio "La Panchina d'Oro" ('Banco de Ouro', em tradução livre), da Associação Italiana de Treinadores (Aiac), anunciou o próprio político em sua página no Facebook nesta terça-feira (21).

Amatrice, uma comuna de pouco mais de dois mil habitantes, foi devastada por uma série de terremotos que atingiram a região central da Itália desde agosto do ano passado. Na cidadela, por causa do sismo do dia 24 daquele mês, 299 pessoas morreram e quase todas as casas foram destruídas pelo tremor.

"A felicidade toma conta, mas logo depois a tristeza vem a minha mente. Tudo isso acontece por causa de um evento trágico que causou mortes e luto. Eu dedico esse 'banco' às 17 mil pessoas que assinaram a petição", disse Pirozzi referindo-se à petição online criada por Giancarlo Di Meglio para premier o prefeito.

Ele ainda dedicou o prêmio para "todas aquelas pessoas que diariamente lutam pelos outros. O 'banco' não é de Sergio, mas de todos vocês".

"La Panchina d'Oro" é o mais alto reconhecimento a Aiac e é conferido, todos os anos, para o melhor técnico da elite do futebol da Itália. No entanto, esse ano foi criada uma premiação especial para o prefeito.

Até o fatídico dia da tragédia, Pirozzi, 52 anos, dividia a função de prefeito com a de treinador do Trastevere Calcio de Roma, na série D do futebol italiano. No dia 25 de agosto, ele já havia anunciado que não podia mais treinar a equipe porque tinha que cuidar "da minha gente". Ele tinha uma longa carreira em categorias menores ou amadoras do esporte e seu maior feito foi levar o Trastevere à quarta divisão.

Por causa da tragédia, seu auxiliar técnico é quem comanda o time desde então, mas a direção do clube decidiu manter Pirozzi como treinador e paga seu salário normalmente - mesmo com a reconstrução da cidade. Atualmente, o clube lidera o grupo H e já se aproxima de subir para a Lega Pro, a terceira divisão do futebol italiano.

O prêmio será entregue no centro de treinamentos da seleção italiana, em Coverciano, na cidade de Florença. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA