Jogadores e dirigentes celebram título da Inter

Festa da torcida interista foi criticada pelo coordenador do CTS

Torcedora da Inter celebrando o 19º Scudetto do clube
Torcedora da Inter celebrando o 19º Scudetto do clube (foto: ANSA)
09:15, 03 MaiMILÃO ZRS

(ANSA) - A Inter de Milão conquistou neste domingo (2) o Campeonato Italiano pela 19ª vez em sua história e colocou um ponto final na hegemonia da Juventus. O título dos nerazzurri foi bastante celebrado por torcedores, dirigentes, atletas e ex-jogadores do tradicional clube da região da Lombardia.

A Internazionale, que venceu o lanterna Crotone no sábado (1º), tornou-se campeã da Série A graças ao empate entre Atalanta e Sassuolo, que garantiu à equipe de Antonio Conte a conquista do título antecipadamente.

O ex-jogador e atual vice-presidente da Inter, Javier Zanetti, celebrou a conquista em uma publicação nas suas redes sociais.

"Essa vitória nasceu há dois anos, quando Antonio Conte e sua equipe se cruzaram pela primeira vez o portão de Appiano Gentile, nosso lar de todos os dias. Eles passaram uma grande mentalidade vencedora. Tudo o que fazem é pensar dia após dia em como melhorar o time. Escrevemos uma nova página maravilhosa e importante na história", escreveu o argentino.

Os brasileiros Júlio César, Miranda, Thiago Motta e Eder Citadin, que defenderam a Internazionale, parabenizaram os nerazzurri pela conquista.

"Depois de 11 anos, de volta ao lugar certo: o primeiro. A posição da Inter, que mereceu do primeiro ao último dia da temporada", declarou o ex-goleiro ao jornal "Gazzetta dello Sport".

O atacante Romelu Lukaku, um dos principais protagonistas do título interista, publicou uma mensagem em suas redes sociais agradecendo os torcedores de todas as partes do mundo.

"Deus é bom! Campeões! Foi um longo caminho para nós como equipe, mas acabamos conseguindo! Obrigado a todos os fãs de todo o mundo! Vamos aproveitar este momento!", escreveu o jogador belga.

O presidente da Inter, Steven Zhang, explicou à ANSA a sensação de ter conquistado o 19º Scudetto do clube lombardo.

"É um momento especial e emocionante para todas as pessoas envolvidas no projeto e que estiveram conosco nesta jornada. Agradeço os torcedores, os nossos funcionários e, obviamente, o treinador Antonio Conte e os jogadores que trabalharam muito para alcançar esse resultado", disse o dirigente.

Aglomeração

A presença de uma multidão de torcedores da Inter na Piazza del Duomo, em Milão, para celebrar a conquista do Campeonato Italiano causou muita polêmica, principalmente porque quase todos os presentes não respeitaram o distanciamento social.

Diversas pessoas que participaram da festa dos nerazzurri não usaram máscara facial, uma das principais medidas contra a pandemia do novo coronavírus.

"Era provável que tais eventos ocorressem, mas o importante é que nunca mais se repitam. Devemos pedir às pessoas que respeitem as medidas de segurança. Espero que o número de infecções não aumente, mas poderemos ver o impacto em duas semanas", declarou o governador da região da Lombardia, Attilio Fontana.

O coordenador do Comitê Técnico-Científico (CTS), Franco Locatelli, disse à emissora "Sky" que os 121 mil mortos pela Covid-19 "devem ser respeitados".

"Não podemos absolutamente permitir imagens como essas, as aglomerações devem ser evitadas. O senso de responsabilidade deve prevalecer para respeitar as 121 mil mortes que tivemos na Itália. A circulação viral ainda não pode ser subestimada. Há uma melhora, mas não podemos relaxar nosso comportamento", afirmou o especialista. (ANSA).
   

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA