Uefa veta iluminação de estádio do Bayern com cores do arco-íris

A proposta foi realizada por Munique para um jogo da Eurocopa

Estádio do Bayern de Munique, que vem sendo usado na Eurocopa
Estádio do Bayern de Munique, que vem sendo usado na Eurocopa (foto: Divulgação/DFB)
14:22, 22 JunSÃO PAULO ZRS

(ANSA) - A Uefa rejeitou nesta terça-feira (22) a proposta da cidade de Munique de iluminar a Allianz Arena com as cores do arco-íris para o jogo entre Alemanha e Hungria, pela última rodada da fase de grupos da Eurocopa.

Em um comunicado, a Uefa declarou ser uma "organização politicamente e religiosamente neutra". Além disso, a entidade explicou que a iluminação cairia em um "contexto político", já que a Hungria aprovou recentemente uma lei que veta a "promoção" da homossexualidade.

A organização também informou "compreender que a intenção é enviar uma mensagem para promover a diversidade e a inclusão", mas propôs datas alternativas para a ação no estádio do Bayern de Munique, como em "28 de junho ou entre 3 e 9 de julho".

A bandeira, que representa o movimento LGBTQ+, seria uma forma para protestar contra a lei aprovada na Hungria, que é duramente criticada por grupos de direitos humanos.

A Federação Alemã de Futebol (DFB) informou ser a favor da iluminação do estádio com as cores do arco-íris, mas revelou que não precisaria acontecer obrigatoriamente no embate contra os húngaros.

Péter Szijjártó, ministro das Relações Exteriores da Hungria, afirmou que a Uefa teve "bom senso" e "não acompanhou a provocação política".

Em um caso semelhante, a Uefa chegou a abrir uma investigação sobre a faixa de capitão de arco-íris usada pelo goleiro Manuel Neuer, da seleção alemã. No entanto, o acessório foi considerado em conformidade com o regulamento.

Alemães e húngaros se enfrentarão nesta quarta-feira (23) pela rodada final do grupo F da Eurocopa. (ANSA)
   

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA