Após polêmica, Itália confirma jogo contra Suíça em Roma

Condições do gramado poderiam atrapalhar a realização do jogo

Chiesa e Mancini durante o jogo contra a Espanha
Chiesa e Mancini durante o jogo contra a Espanha (foto: a)
13:34, 13 OutROMA ZRS

(ANSA) - A Federação Italiana de Futebol (Figc) confirmou na última terça-feira (12) que o Estádio Olímpico de Roma terá condições de receber o jogo entre Itália e Suíça no próximo dia 12 de novembro.

A empresa Sport e Salute, antigo Coni Servizi, e a Figc fiscalizaram a situação do histórico estádio italiano e deram sinal verde para que o jogo da Azzurra seja realizado no Olímpico.

O duelo contra a Suíça será uma batalha direta pela liderança do grupo B das eliminatórias europeias para a Copa do Mundo de 2022, no Catar. O encontro foi definido pelo técnico da Itália, Roberto Mancini, como a "partida do ano".

Não estava descartada a possibilidade de mudar a sede do jogo, já que o gramado do Olímpico poderia ficar muito prejudicado em função de uma série de eventos esportivos no estádio. Antes do dia 12 de novembro, o local receberá jogos de rúgbi, do Campeonato Italiano e da Conference League.

Com a confirmação da Figc, os ingressos para a partida entre Itália e Suíça estarão à venda a partir da próxima segunda-feira (18). Os preços dos bilhetes de entrada serão divulgados em breve.

Com 14 pontos conquistados, Itália e Suíça estão empatadas na liderança do grupo B das eliminatórias. A Azzurra, que venceu a Eurocopa e ficou na terceira colocação da Nations League, ocupa a ponta da tabela em função do saldo de gols.

Depois da Suíça, os italianos vão encarar a Irlanda do Norte na última rodada da competição. Os comandados de Murat Yakin, no entanto, terão pela frente a Bulgária. (ANSA).
   

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA