Times da Premier League aprovam regra temporária 'anti-Newcastle'

Medida impede acordos de patrocínio vinculados aos proprietários

Torcedores do Newcastle durante um jogo contra o Tottenham
Torcedores do Newcastle durante um jogo contra o Tottenham (foto: EPA)
11:11, 19 OutROMA ZRS

(ANSA) - As equipes da Premier League votaram a favor para impedir temporariamente que os clubes fechem acordos de patrocínio com empresas que possuem laços com os próprios proprietários, após a aquisição do Newcastle pelo Fundo de Investimento Público da Arábia Saudita (PIF).

Na reunião, que foi convocada na última segunda-feira (18) com urgência, 18 times da liga inglesa votaram a favor da nova regra. O Newcastle se posicionou contra a medida e o Manchester City se absteve.

Com isso, o Newcastle não poderá assinar acordos de patrocínio com empresas vinculadas ao PIF, que é detentor de 80% da equipe. A medida temporária será válida por um mês, mas uma proibição permanente deverá ser discutida nas próximas reuniões.

O PIF possui ativos de cerca de 250 bilhões de libras, o que torna o Newcastle um dos clubes mais ricos do mundo. No entanto, diversos grandes times da Europa possuem acordos de patrocínio com empresas vinculadas aos próprios donos.

Na Inglaterra, além do Newcastle, o Manchester City é patrocinado pela Etihad, uma companhia aérea dos Emirados Árabes Unidos. Os Citizens são liderados pela empresa de investimentos Abu Dhabi United Group, da família real.

Diversos clubes da principal divisão do futebol da Inglaterra temem que os ricos proprietários sauditas do Newcastle façam acordo que possam dar vantagem ao time.

O empresário italiano Andrea Radrizzani, presidente do Leeds United, disse recentemente que as regras do Fair Play Financeiro devem ser aplicadas aos Magpies para garantir que os 20 times da Premier League estejam "disputando o mesmo jogo".

Com oito rodadas já realizadas, o Newcastle tem três pontos e é o penúltimo posicionado da tabela. O próximo compromisso do clube será no sábado (23), contra o Crystal Palace, no Selhurst Park Stadium. (ANSA).
   

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA