Neymar é acusado por jornalista de treinar 'quase bêbado'

Brasileiro vem sendo alvo de muitas críticas em Paris

Neymar durante a partida contra o Real Madrid
Neymar durante a partida contra o Real Madrid (foto: EPA)
11:32, 23 MarROMA ZRS

(ANSA) - O atacante Neymar, do Paris Saint-Germain, não vem realizando uma grande temporada na França e está sendo alvo de diversas críticas. O jornalista Daniel Riolo, da emissora "RMC Sport", questionou o profissionalismo do brasileiro e o acusou de trabalhar "quase bêbado".

"Neymar quase não treina mais, chega em um estado lastimável, quase bêbado. É assim, ele está em espírito de vingança contra o PSG. Temos que assinar o cheque dele e deixá-lo ir embora, ele está causando muitos danos ao clube", disse Riolo em um podcast.

O ambiente na capital francesa está bem pesado, principalmente depois da precoce eliminação da Liga dos Campeões. Além dos questionamentos da imprensa local, o atacante vem sendo bastante criticado pela torcida do PSG, tanto que foi vaiado durante a vitória por 3 a 0 sobre o Bordeaux.

Os torcedores franceses também não perdoaram o craque argentino Lionel Messi, que vem contribuindo muito pouco na temporada do PSG. Na Ligue 1, o ex-Barcelona marcou somente dois gols em 18 jogos disputados na competição.

Neymar, por sua vez, não está muito atrás do companheiro de equipe argentino. Sofrendo com vários problemas de lesão, o brasileiro conseguiu apenas cinco tentos em 21 partidas.

Um estudo divulgado nesta quarta-feira (23) pelo jornal "L'Équipe" mostrou que Neymar é o atleta que possui o maior salário do Campeonato Francês, ficando na frente de Messi e Kylian Mbappé. O levantamento apontou que o brasileiro embolsa mensalmente mais de quatro milhões de euros.

Embora esteja passando por uma fase não muito boa, Neymar foi chamado para defender a seleção brasileira pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2022. Já classificado para o Mundial, o país vai encarar o Chile na próxima quinta-feira (24), no Maracanã.

Mesmo tendo sofrido uma pesada derrota diante do Monaco no último fim de semana, o PSG segue disparado na liderança da Ligue 1, com 12 pontos na frente do vice Olympique de Marseille.(ANSA).
   

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA