Após 'fuga' de 80 km, Froome assume 'camisa rosa' do Giro

Britânico desbancou Simon Yates na reta final da prova

Após 'fuga' de 80 km, Froome assume 'camisa rosa' do Giro
Após 'fuga' de 80 km, Froome assume 'camisa rosa' do Giro (foto: ANSA)
15:32, 25 MaiJAFFERAU ZLR

(ANSA) - Após 15 dias de domínio do britânico Simon Yates, o Giro d'Italia 2018 tem um novo "camisa rosa". O também britânico Chris Froome protagonizou uma virada inesperada e, depois de uma fuga solitária de mais de 80 quilômetros, assumiu a liderança da classificação geral da prova.

O percurso foi entre Venaria Reale e Bardonecchia, no Piemonte, e Froome chegou em primeiro com três minutos de vantagem para o segundo colocado na etapa, o equatoriano Richard Carapaz. Já Yates não conseguiu manter o bom ritmo e cruzou a linha de chegada quase 40 minutos atrás do compatriota.

Froome, atual campeão do Tour de France, tem agora 40 segundos de vantagem na liderança sobre o holandês Tom Dumoulin, vencedor do Giro 2017. Já Yates, que liderava desde a sexta etapa, despencou para 17º lugar.

Ainda faltam duas etapas para o fim da competição, mas o trecho decisivo será o deste sábado (26), entre Susa, no Piemonte, e Cervinia, no Vale de Aosta, em um percurso alpino com quase 4 mil metros de desnível.

O Giro terminará em Roma, no domingo (27), quando não deve haver grandes mudanças na classificação geral. A participação de Froome na prova chegou a ser criticada por outros competidores, já que ele foi flagrado em um exame antidoping no fim do ano passado.

O britânico testou positivo para o broncodilatador salbutamol, cujos níveis estavam acima dos permitidos. Froome alega que o problema é fruto de uma disfunção renal, o que evitou uma punição imediata. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA