Rebeca Andrade conquista prata inédita na ginástica artística

Atleta brilhou ao longo da disputa e recebeu aplausos de Biles

Rebeca Andrade celebrando a prata conquistada em Tóquio (foto: EPA)
19:42, 29 JulSÃO PAULO ZRS

(ANSA) - Rebeca Andrade se tornou nesta quinta-feira (29) a primeira brasileira a conquistar uma medalha na ginástica artística feminina dos Jogos Olímpicos. A atleta de 22 anos de idade ficou com a prata do individual geral em Tóquio, atrás apenas da americana Sunisa Lee.

No Centro de Ginástica Ariake, Rebeca somou 57.298 pontos, enquanto Lee teve 57.433. O bronze foi conquistado pela russa Angelina Melnikova, com 57.199 pontos.

Simone Biles, grande estrela das Olimpíadas de Tóquio e que abriu mão do individual geral para cuidar da sua saúde mental, acompanhou as provas na arena e até aplaudiu a brasileira.

Rebeca, que chegou aos Jogos depois de se recuperar de uma série de lesões, havia avançado para a final do individual na segunda posição, atrás somente de Biles. A ginasta brasileira teve atuações seguras nos quatro aparelhos, sobretudo no salto, e terminou sua apresentação no solo, ao som de "Baile de Favela".

Com a prata, Rebeca conseguiu se juntar aos medalhistas olímpicos brasileiros Arthur Zanetti, Diego Hypolito e Arthur Nory. No feminino, os melhores resultados da ginástica eram os quintos lugares de Daiane dos Santos no solo em 2004, em Atenas, e de Flávia Saraiva na trave em 2016, no Rio de Janeiro.

Além disso, a ginasta ajudou o Brasil a conquistar sua sétima medalha na atual edição das Olimpíadas. O país soma um ouro, três pratas e três bronzes. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA