Itália levará delegação recorde para Jogos Paralímpicos no Japão

Competição começará no próximo dia 24 de agosto

Competição começará no próximo dia 24 de agosto
Competição começará no próximo dia 24 de agosto (foto: ANSA)
19:31, 09 AgoROMA ZCC

(ANSA) - A Itália começou a contagem regressiva para participar da 16ª edição dos Jogos Paralímpicos de Tóquio, no Japão, com a maior delegação de todos os tempos.

Na competição, que acontecerá entre 24 de agosto e 5 de setembro, a equipe azzurra contará com um total de 113 paratletas em 15 modalidades. O número de competidores é cerca de 14,14% a mais em relação aos Jogos do Rio de Janeiro de 2016.

A presença feminina é superior a masculina, sendo 60 atletas mulheres e 53 homens, equivalente a 53,1%. A quantidade supera a proporção de representantes femininas da Rio 2016 (40% de mulheres) e de Londres 2012 (31,6 %).

A seleção italiana tem idade média de 33 anos, cerca de três a menos que na competição realizada no Brasil. A expectativa é melhorar o resultado conquistado na última disputa: 39 medalhas no total (10 ouros, 14 pratas e 15 bronzes), ocupando a nona colocação no quadro geral.

"Em primeiro lugar quero parabenizar a seleção olímpica italiana pelo resultado histórico obtido e estender um sincero agradecimento a todos os atletas pela emoção que nos proporcionaram nesta incrível Olimpíada", disse o presidente do Comitê Paralímpico da Itália, Luca Pancalli.

Segundo ele, "a Paraolimpíada será o último evento, por ordem cronológica, deste extraordinário verão para o esporte italiano".

"Nosso objetivo é continuar a entusiasmar os italianos com as histórias e atuações esportivas desses fantásticos atletas e confirmar, com os resultados, a trajetória de crescimento do movimento paraolímpico italiano que se tornou uma referência na Itália e no mundo", finalizou Pancalli.

Os Jogos Paralímpicos de Tóquio vão começar no próximo dia 24 de agosto e terão a esgrimista Bebe Vio e o nadador Federico Morlacchi como porta-bandeiras da Itália na cerimônia de abertura. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA