MP de Turim ouve Chiellini e Bonucci em investigação contra Juve

Jogador colombiano Juan Cuadrado também prestou depoimento

Chiellini chegando no local onde prestou depoimento
Chiellini chegando no local onde prestou depoimento (foto: ANSA)
15:03, 04 AbrTURIM ZRS

(ANSA) - O Ministério Público de Turim, na Itália, ouviu nesta segunda-feira (4) os jogadores Giorgio Chiellini, Leonardo Bonucci e Juan Cuadrado, da Juventus, como parte das investigações contra o clube por supostos crimes financeiros.

Além dos três atletas, os jogadores Paulo Dybala, Federico Bernardeschi e Alex Sandro também já foram ouvidos anteriormente pelas autoridades italianas.

De acordo com a imprensa local, o depoimento de Chiellini, capitão da Juve, teria durado pelo menos duas horas e meia.

Os três experientes jogadores da Velha Senhora, que estavam no Palazzo di Giustizia como testemunhas, deram suas versões para os responsáveis da investigação "Prisma", que tentam esclarecer quatro pagamentos mensais que os atletas do clube bianconero decidiram congelar durante a pandemia de Covid-19.

Na opinião dos investigadores, os jogadores juventinos conseguiram parte do dinheiro por meio de acordos particulares com o clube, que supostamente não lançou a transação em seu balanço financeiro ou informou as autoridades. (ANSA).
   

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA