Itália registra mais um recorde de desemprego

Taxa de desempregados no país é de 13%

Taxa de desempego na Itália bate recorde
Taxa de desempego na Itália bate recorde (foto: ANSA)
17:03, 01 AbrROMA EBA

(ANSA) - A Itália registrou em fevereiro uma taxa de emprego de 55,2%, o menor índice dos últimos 14 anos, revela nesta terça-feira (1) um estudo do Instituto e Estatística italiano (Istat) .
    Já a taxa de desemprego no mesmo mês é de 13%. É a taxa mais alta desde o inicio das medições mensais, janeiro de 2004, como das trimestrais, primeiro trimestre de 1977.
    Em fevereiro o número de desempregado supera o índice dos 3,3 milhões de pessoas. O Istat registrou precisamente 3 milhões 307 mil pessoas a procura de emprego, um aumento de 8 mil em relação ao mês de janeiro (+0,2%) e de 272 com base anual (+9,0%).
    "[O novo dado sobre o desemprego na Itália] é arrebatador, em um ano se perderam mil postos de trabalho por dia", afirmou o primeiro-ministro italiano, Matteo Renzi.(ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA