Renzi promete luta 'violenta' contra burocracia

Primeiro-ministro da Itália quer fim de "sistema opressor"

O premier italiano visitou o Salão do Móvel de Milão
O premier italiano visitou o Salão do Móvel de Milão (foto: ANSA)
20:16, 11 AbrROMA ZLR

(ANSA) - Em um discurso no Salão do Móvel de Milão nesta sexta-feira (11), o primeiro-ministro da Itália, Matteo Renzi, prometeu iniciar uma "violenta luta contra a burocracia" em seu país, provocando aplausos entre os presentes.
    "É preciso cortar um sistema burocrático opressor, um sistema fiscal não digno dessa nação, uma Justiça que não pode demorar quatro vezes mais do que os países vizinhos", afirmou o premier, acrescentando que a mudança deve começar pelos próprios políticos. Renzi ainda fez uma comparação com a famosa estátua de David -- obra-prima de Michelangelo --, que está localizada em Florença, cidade da qual ele foi prefeito.
    "Quando os florentinos perguntavam a Michelangelo como tinha criado o David, ele respondia: 'Basta tirar o mármore em excesso'. É preciso fazer o mesmo com a Itália, tirar tudo aquilo que está em excesso e restituir o fascínio e o estupor ao país", declarou. O primeiro-ministro ainda disse que é preciso evitar que a burocracia prejudique a realização da Expo 2015, evento que acontecerá entre 1° de maio e 31 de outubro do ano que vem. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA