Itamaraty lamenta terremoto e acompanha situação de brasileiros na Itália

Embaixada segue com atenção a situação das vítimas e feridos

Após terremoto, embaixada em Roma oferece canal a brasileiros (foto: ANSA)
12:50, 24 AgoSÃO PAULO ZBF

(ANSA) - A embaixada do Brasil na Itália ainda não recebeu informações de brasileiros que possam estar entre as vítimas do terremoto de 6 graus que atingiu o país nesta quarta-feira (24).
   

 

Em declarações à ANSA, representantes da embaixada disseram que, "até o momento, não houve notícias de brasileiros entre mortos ou feridos". "Mas estamos acompanhando, porque a situação está evoluindo", disseram.

 

O telefone da embaixada do Brasil em Roma é +39 06.683981 e o email de contato, brasemb.roma@itamaraty.gov.br.
   

 O tremor de terra atingiu as regiões do Lazio e de Marcas, ambas no centro da Itália. Até o momento, mais de 70 mortes foram confirmadas, mas o balanço pode subir, já que há dezenas de desaparecidos. “O governo brasileiro expressa sua solidariedade aos familiares das vítimas, ao povo e ao governo da Itália”, disse uma nota do Itamaraty.

 

“O governo brasileiro tomou conhecimento, com pesar, do forte terremoto que atingiu a região central da Itália na madrugada desta quarta-feira, causando dezenas de vítimas fatais e significativa destruição material, principalmente na cidade de Amatrice”, afirma o comunicado. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA