Após 82 dias, número de mortos por terremoto na Itália sobe para 299

Idosa que estava no icônio Hotel Roma de Amatrice faleceu

Icônico Hotel Roma foi destruído por terremoto (foto: ANSA)
13:52, 15 NovRIETI ZGT

(ANSA) - Após 82 dias de internação, faleceu na província de Rieti a idosa Franca Marchesi, 74 anos, que havia sobrevivido ao terremoto do dia 24 de agosto. Com isso, sobe para 299 o número de vítimas fatais da tragédia que atingiu a região central da Itália.

 

Marchesi estava no icônico Hotel Roma, em Amatrice, e foi retirada dos escombros pelas equipes de socorro. Desde então, estava hospitalizada em Rieti.

 

"É com grande dor que soubemos que mais uma vida foi tirada pela tragédia. Ficar aqui, reconstruir e olhar adiante é a única maneira de fazer justiça às vítimas e para não deixar que quem sobreviveu perca a esperança", disse o prefeito de Amatrice, Sergio Pirozzi.

 

A pequena comuna italiana foi a que mais contabilizou vítimas fatais e, com a morte de Marchesi, são 238 as pessoas que perderam a vida na cidade. Muitos dos mortos estavam em Amatrice para participar do tradicional festival de "pasta à amatricciana', um dos pratos mais icônicos da Itália e que fora criado na pequena comuna. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA