Greta lidera protesto em Roma contra mudanças climáticas

Evento reuniu milhares de jovens na Piazza del Popolo

Greta lidera protesto em Roma contra mudanças climáticas
Greta lidera protesto em Roma contra mudanças climáticas (foto: ANSA)
12:08, 19 AbrROMA ZBF

(ANSA) - Milhares de jovens estudantes e seus familiares se reuniram hoje (19), em Roma, para mais um protesto pacífico da série de manifestações encabeçadas pela jovem sueca Greta Thunberg, de 16 anos, contra as mudanças climáticas. Adolescentes de várias partes da Itália e da Europa participaram do protesto na Piazza del Popolo, em mais uma etapa do "Fridays for Future". Sob um forte sol, artistas fizeram exibições musicais enquanto jovens ativistas, como Greta, discursavam sobre o meio ambiente. A eletricidade do palco do evento foi gerada por 120 ciclistas que pedalaram em bicicletas montadas em cima de geradores. "O maior problema é que nada tem sido feito para parar com a catástrofe ecológica. Devemos nos preparar para lutar por um longo tempo. Não bastarão semanas ou meses, serão necessários anos de luta", disse Greta. "Nós, crianças, não saímos às ruas para fazer selfies nem ouvir as pessoas dizendo o quanto admiram o que fazemos. Nós, crianças, estamos fazendo isso para 'acordar' os adultos, porque queremos que eles ajam. Nós não somos as pessoas que criaram essa crise [ambiental]", ressaltou.
    De acordo com a ativista, alguns críticos dizem que as crianças que participam dos protestos estão "perdendo aulas e tempo na escola". "Na verdade, estamos aqui mudando o mundo", rebateu Greta Thunberg, que foi recebida pelo papa Francisco nesta semana, além de visitar o Senado italiano.
    O "Fridays for Future" começou em 2018, com Greta fazendo greves diante do Parlamento da Suécia, e já atraiu seguidores em vários países. A maioria dos manifestantes são estudantes adolescentes que exigem ações políticas para evitar o aquecimento global.
    A polícia italiana informou que 3,5 mil pessoas participaram da manifestação em Roma. Já os organizadores do evento falam em 10 mil. Além da capital italiana, outras cidades do mundo, como Londres e Paris, também realizaram atos simultâneos contra as mudanças climáticas. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA

archivado en