Governo italiano chega a acordo para regularizar imigrantes

Projeto beneficiará trabalhadores agrícolas e domésticos

Objetivo de regularização é garantir mão de obra no campo
Objetivo de regularização é garantir mão de obra no campo (foto: )
09:44, 11 MaiROMA ZLR

(ANSA) - Os partidos que formam o governo italiano chegaram a um acordo sobre o projeto para regularizar a situação de trabalhadores estrangeiros cuja permissão de estadia já expirou, especialmente no setor agrícola, ou que perderam o emprego devido à pandemia do novo coronavírus.

O acordo ainda não é oficial, mas fontes de todos os partidos da base aliada confirmaram o compromisso, que também beneficiará cuidadores de idosos ou doentes e empregadas domésticas.

A regularização dará uma permissão de estadia temporária de seis meses para o imigrante procurar emprego, desde que ele comprove já ter trabalhado em algum desses setores na Itália. Caso o estrangeiro já esteja empregado, a solicitação terá de partir tanto dele quanto do patrão.

A discussão nasceu por pressão da ministra da Agricultura, Teresa Bellanova, que defendia a regularização dos cerca de 600 mil imigrantes em condição irregular na Itália para garantir a mão de obra no campo.

O governo ainda não divulgou quantos estrangeiros podem ser beneficiados pelo acordo. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA