Em 10 dias de retomada das aulas, Itália fecha 75 escolas

Aulas voltaram de forma oficial na Itália no dia 14 de setembro
Aulas voltaram de forma oficial na Itália no dia 14 de setembro (foto: ANSA)
12:39, 25 SetROMA ZGT

(ANSA) - Mais de 400 escolas italianas já registraram ao menos um caso de infecção pelo novo coronavírus, sendo que 75 delas precisaram ser fechadas ao menos por um dia, desde a retomada oficial do ano letivo no país em 14 de setembro, informou um levantamento foi feito pelo jornal "Il Sole 24 ore" nesta sexta-feira (25).

Ao todo, a Itália em oito mil institutos de ensino em 30 mil diferentes instalações.

Cerca de 76% dos casos foram de estudantes com Covid-19 e 13% ocorreu entre professores. Os outros 11% foram entre funcionários em geral das escolas.

Em números totais, a Lombardia - que é a região italiana que mais contabilizou casos e mortes na pandemia - teve 84 unidades afetadas. Na sequência, vem Emilia-Romagna (60), Toscana (50) e Lazio (38).

Nesta sexta-feira (25), o Ministério da Saúde fez esclarecimentos sobre o procedimento em caso de teste positivo de alunos e professores.

Se o primeiro teste rápido realizado testar positivo, para o retorno à comunidade escolar, "será necessário efetuar dois testes com intervalo de 24 horas entre um e outro com um contextual duplo negativo". Caso a pessoa ainda tiver um novo teste positivo, ela precisará ficar isolada em casa até a cura clínica. (ANSA).
   

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA