Polícia italiana denuncia influencer por incitação ao suicídio

Mulher publicava vídeos com desafios perigosos no TikTok

A influencer digital tem 48 anos de idade e é de Siracusa, na Itália
A influencer digital tem 48 anos de idade e é de Siracusa, na Itália (foto: Ansa)
12:05, 28 JanROMA ZRS

(ANSA) - A polícia de Florença, na Itália, denunciou uma influenciadora digital por publicar vídeos no aplicativo TikTok incitando ao suicídio.

Segundo as autoridades, os conteúdos encontrados no perfil da influencer de 48 anos retratam diversos "desafios". Em um deles, ela mostra um homem e uma mulher enrolando fita adesiva em volta da boca e do nariz para que não pudessem respirar.

Os vídeos, que foram descritos pela polícia como "extremamente perigosos", foram imediatamente denunciados e removidos do TikTok.

A investigação verificou que a mulher já tinha publicado cerca de 20 vídeos de outros desafios perigosos, incluindo inalar creme pelo nariz e fechar as pálpebras com pinças. A influenciadora, que teria filhos e é natural de Siracusa, tinha pouco mais de 730 mil seguidores de diferentes faixas de idade.

"Fala-se muito sobre os pais serem exemplos, mas eles não podem ser quando são os primeiros a fazer coisas perigosas na web", afirmou a chefe da polícia postal da Toscana, Alessandra Belardini.

Uma menina de 10 anos de Palermo, no sul da Itália, morreu recentemente sufocada por um cinto ao tentar realizar um desafio em que viu no TikTok. (ANSA).
   

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA