Número de novos casos de coronavírus dispara na Itália

Já as mortes voltaram a cair em relação à semana passada

Centro de vacinação para professores em Roma, capital da Itália
Centro de vacinação para professores em Roma, capital da Itália (foto: ANSA)
14:37, 25 FevSÃO PAULO ZLR

(ANSA) - A Itália registrou nesta quinta-feira (25) mais 19.886 casos e 308 mortes na pandemia do novo coronavírus, elevando os totais de contágios e óbitos para 2.868.435 e 96.974, respectivamente.

O novo boletim do Ministério da Saúde apresenta um aumento expressivo nos casos, porém uma redução nas mortes em relação a quinta-feira passada, quando haviam sido contabilizados 13.762 diagnósticos positivos e 347 vítimas.

Além disso, esse é o maior número de novos casos na Itália desde 9 de janeiro (19.978). A média móvel de contágios em sete dias subiu de 13.854 na quarta-feira para 14.729 nesta quinta, maior valor desde 17 de janeiro (14.952), enquanto a de óbitos diminuiu de 304 para 299, menor cifra desde 4 de novembro (266).

A Itália também soma 2.375.318 pacientes curados e 396.143 casos ativos. Até o momento, o país aplicou 3,87 milhões de vacinas anti-Covid, sendo que 1,36 milhão de pessoas já receberam as duas doses, mais de 2% da população nacional. (ANSA)

 

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA