Chefe da Defesa Civil e comissário para pandemia são vacinados na Itália

Ambos receberam imunizante do laboratório AstraZeneca em Roma

Ambos receberam imunizante do laboratório AstraZeneca em Roma (foto: ANSA)
09:59, 20 MarROMA ZCC

(ANSA) - O chefe da Defesa Civil da Itália, Fabrizio Curcio, e o comissário extraordinário para a pandemia de Covid-19, Francesco Figliuolo, foram vacinados contra o novo coronavírus neste sábado (20), em Cecchignola, em Roma.

Os dois, que seguiram os protocolos sanitários e aguardaram na fila do drive-thru com outros cidadãos e militares, receberam a dose do imunizante desenvolvido pela Universidade de Oxford e o laboratório AstraZeneca.

"Para combater este maldito vírus, a única forma é vacinar-se! Hoje, vacinaram-se com a AstraZeneca o comissário extraordinário para a emergência da Covid, general Figliuolo, e o chefe da Proteção Civil, Curcio. Em breve o primeiro-ministro Draghi também será", declarou a ministra para Assuntos Regionais, Mariastella Gelmini.

Segundo a política, este "é um gesto importante para dar a todos os italianos uma mensagem clara: o medo não vencerá, mas a ciência".

Ontem (19), o primeiro-ministro da Itália, Mario Draghi, afirmou que também tomará a vacina da AstraZeneca, embora ainda não tenha agendado a data. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA