Aos 44 anos, morre ator italiano Libero de Rienzo

Artista sofreu um ataque cardíaco em sua casa em Roma, na Itália

Libero de Rienzo era casado e tinha dois filhos pequenos
Libero de Rienzo era casado e tinha dois filhos pequenos (foto: Ansa)
09:34, 17 JulROMA ZRS

(ANSA) - O ator italiano Libero de Rienzo, de 44 anos de idade, morreu nesta sexta-feira (16) após sofrer um ataque cardíaco em sua residência na cidade de Roma.

Natural de Nápoles, De Rienzo conquistou nos anos de 2002 e 2006 o David di Donatello, uma das maiores premiações do cinema italiano.

Um dos principais trabalhos do ator foi no filme "Fortapàsc", de Marco Risi, onde ele interpretou o jornalista napolitano Giancarlo Siani, que foi morto pela Camorra em setembro de 1985.

De Rienzo também trabalhou nos últimos anos nos longas "Smetto quando voglio" (2014) e "A Tor Bella Monaca non piove mai" (2019).

O italiano embarcou na carreira de ator ao seguir os mesmos passos do pai, Fiore De Rienzo, que era assistente de direção de Francesco "Citto" Maselli.

Embora vivesse em Roma desde criança, De Rienzo era fortemente ligado à Nápoles. O ator era casado com a figurinista Marcella Mosca e deixa dois filhos de 6 e 2 anos de idade.

Ainda não há informações sobre a data do funeral do ator, mas o corpo de De Rienzo será enterrado em Irpinia, ao lado da mãe.

"Conheci bem o Libero, de quem sou um grande admirador não só pelas suas indiscutíveis qualidades profissionais e artísticas, mas também pela sua humanidade, cultura enraizada e forte compromisso social e civil. Libero viveu em Roma, mas amava profundamente Nápoles", declarou o prefeito de Nápoles, Luigi de Magistris.

O ministro da Cultura da Itália, Dario Franceschini, também lamentou a morte do ator italiano.

"A notícia da morte repentina de Libero De Rienzo é terrível e nos deixa todos sem palavras. Perdemos um jovem talento, um protagonista do cinema italiano que já tinha visto sua arte ser reconhecida com duas vitórias no David di Donatello. O mundo da cultura italiana abraça sua família, seus filhos pequenos, sua esposa e todas as pessoas que o amavam, estimavam e apreciavam com carinho e condolências", afirmou. (ANSA).
   

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA