Aposentadoria de mulheres é menor do que a de homens na Itália

Informação foi revelada pelo INPS nesta quarta-feira (21)

Informação foi revelada pelo INPS nesta quarta-feira (21)
Informação foi revelada pelo INPS nesta quarta-feira (21) (foto: Ansa)
17:53, 21 JulROMA ZCC

(ANSA) - As novas aposentadorias pagas aos homens no primeiro trimestre de 2021 na Itália tiveram um valor médio mensal de 1.429 euros, cerca de 498 euros a mais do que a quantia média paga às mulheres no mesmo período (931 euros).

A informação foi revelada nesta quarta-feira (21) no monitoramento dos fluxos de aposentadoria dos primeiros seis meses deste ano publicado pelo Instituto Nacional de Previdência Social (INPS).

Ao todo, o INPS detectou 389.924 novos pensionistas, com um valor médio mensal de 1.155 euros, no primeiro semestre. Neste número geral, "prevalecem os registros de mulheres, sendo 215.124 contra 174.800 de homens", mas a diferença de gênero permanece, já que os valores são mais elevados para os homens.

Para aposentados do sexo masculino, verifica-se um elevado número de pensões antecipadas: 79.935 para uma média de 2.104 euros. Já para as mulheres, foram 44.204 com um valor médio de 1.609 euros mensais.

Entretanto, a diferença do valor médio mensal pago para homens (1.429 euros) e mulheres (931 euros) aumentou em relação a 2020, já que era de 465 euros até o ano passado.

Por fim, mais de 30 mil pessoas com menos de 60 anos se aposentaram antecipadamente, em sua maioria homens (20.010), nos primeiros seis meses de 2021. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA