Incêndios florestais na Itália chegam ao Etna

Chamas destruíram bosque no sopé do vulcão

Região da Sicília vem sofrendo com incêndios florestais desde o fim de julho
Região da Sicília vem sofrendo com incêndios florestais desde o fim de julho (foto: ANSA)
09:48, 12 AgoPALERMO ZLR

(ANSA) - Os incêndios florestais que atingem o sul da Itália desde o fim de julho chegaram nesta quinta-feira (12) ao Monte Etna, vulcão ativo de maior altitude na Europa.

Um bosque na cidade de Linguaglossa, que fica às margens do Parque do Etna, foi devorado pelas chamas deflagradas na última madrugada.

O incêndio também destruiu vinhedos e cabanas de agricultores, enquanto aviões e helicópteros atuam para conter o fogo.

O Etna fica na Sicília, região que registrou na última quarta-feira (11) um possível recorde de temperatura na Europa: 48,8ºC, índice medido na província de Siracusa e que ainda precisa ser confirmado por novas análises.

O calor extremo, aliado ao tempo seco, vem provocando uma série de incêndios florestais no sul da Itália, com um saldo de cinco mortes até o momento: quatro na Calábria e uma na Sicília.

Dessas cinco vítimas, três faleceram na última quarta, e duas, na semana passada. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA