Prada lança 'laboratório de design' para artistas negros

Projeto faz parte de iniciativas para reforçar a diversidade

Desfile da Prada em abril de 2021 na Espanha
Desfile da Prada em abril de 2021 na Espanha (foto: EPA)
19:55, 01 SetROMA ZCC

(ANSA) - A grife italiana Prada anunciou nesta quarta-feira (1º) o lançamento de Dorchester Indústrias Experimental Design Lab, um laboratório de design destinado a designer e artistas negros de comunidades minoritárias.

O projeto visa ampliar o trabalho de designers negros nas áreas de moda, mobiliário, design industrial e gráfico e artes, através de prêmios que garantirão apoio financeiro, bem como oportunidades criativas para fomentar o relacionamento com empresas líderes globais.

Com duração de três anos, o programa será realizado em parceria com a Dorchester Industries, departamento de design e produção do Theaster Gates Studio, e ficará sediado na zona sul de Chicago, nos Estados Unidos.

A expectativa é de que o local tenha alcance e relevância internacional e represente um espaço de intercâmbio, formação, comparação e visibilidade para futuros designers, de acordo com a nota oficial.

"Estou entusiasmado em colaborar com o grupo Prada para gerar um novo centro de energia de design no South Side, envolvendo uma rede de designers, artistas e intelectuais qualificados em torno de nosso primeiro grupo de premiados e seus projetos", disse Theaster Gates, fundador da Dorchester Industries e vice-presidente do Conselho Consultivo de Diversidade e Inclusão da Prada.

O primeiro grupo de premiados será selecionado por personalidades influentes nas áreas da moda, arte e design e anunciado em outubro de 2021. Os vencedores do prêmio receberão apoio financeiro e terão a oportunidade de se conectar com empresas internacionais e sua rede por meio de programas e workshops anuais em Nova York, Chicago e Los Angeles.

A iniciativa faz parte de um conjunto de projetos para reforçar o compromisso com a diversidade, a equidade e a inclusão na empresa e na indústria da moda como um todo, para combater acusações de racismo. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA