Tóquio cobra explicações dos EUA sobre espionagem

NSA teria monitorado gabinete de premier, ministérios e empresas

Programa de espionagem da NSA também teria atingido o Japão
Programa de espionagem da NSA também teria atingido o Japão (foto: EPA)
20:35, 03 AgoTÓQUIO ZLR

(ANSA) - O Japão pediu nesta segunda-feira (3) explicações aos Estados Unidos sobre as supostas espionagens da Agência de Segurança Nacional (NSA) norte-americana contra o governo e funcionários de empresas locais.
    A denúncia foi feita na última sexta (31) pelo WikiLeaks e aponta que 35 alvos foram monitorados, incluindo o gabinete do primeiro-ministro Shinzo Abe, os ministérios das Finanças e do Comércio, o Banco do Japão e companhias como Mitsubishi e Mitsui.
    "Estamos pedindo com insistência para o diretor da Inteligência Nacional [James] Clapper verificar os fatos. Se for verdade, o Japão, como aliado, teria isso como um fato extremamente deplorável", disse o porta-voz do governo, Yoshihide Suga.
    As supostas interceptações teriam ocorrido no início do primeiro mandato de Abe, entre 2006 e 2007, e tinham como objetivo coletar informações de discussões internas sobre comércio internacional e políticas para as mudanças climáticas. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA